Formulário de Consulta

CÓDIGO:    SENHA:   
(Acesso restrito)

História de descalvado

A Chegada dos Primeiros Habitantes

- 1809 - Nicolau Antônio Lobo, Manoel Antonio Lobo e Agostinho José Alves de Amorim.Um pouco mais tarde em 1820 José Ferreira da Silva e Tomé Ferreira da Silva. Incluem-se também entre os primeiros habitantes: Alexandre José de Castilho, José Rodrigues dos Reis, Joaquim de Oliveira Preto e Manoel Joaquim Bernardes. Os primeiros chegaram pelo norte, aproveitando o Rio Mogi Guaçu que era o caminho que levava aos sertões de Araraquara. Estabeleceram-se no centro e no sul do atual Município, aproveitando as áreas de terras melhores, evitando o norte junto ao rio Mogi Guaçu onde ocorriam febres intermitentes de dezembro a abril.

O livro do tombo da Igreja Matriz de Nossa Senhora do Belém, em referência escrita em 1883, quando da visita do Bispo Dom Lino Deodato, assim se refere a história: "Das informações que pudemos obter de um trabalho que temos à vista, consta que este lugar, Belém do Descalvado, começou a ser habitado em 1809, sendo seus primeiros habitantes Agostinho José Alves de Amorim, Nicolau Antonio Lobo e José Ferreira da Silva, sendo o primeiro da província de Santa Catarina, e os últimos da de Minas Gerais."

- 1816 - Alexandre José de Castilho adquire a Fazenda Areias de Nicolau Antonio Lobo. - 1820 - José Ferreira da Silva e sua mulher Florência Maria de Jesus, provenientes de Minas Gerais, adquirem a Fazenda Areias de Alexandre José de Castilho.

- 08/09/1832 - Inauguração da Capela de Nossa Senhora do Belém, construída por José Ferreira da Silva em terras da Fazenda Areias, em cumprimento a um voto religioso de sua mulher, dando início ao povoado; - 1842 - José Ferreira e sua mulher fazem doação de uma légua de terras para a Igreja, terras que iriam constituir a Vila de Belém do Descalvado.

 

Algumas datas importantes:

- 22/04/1865 - Elevação à Vila do Belém do Descalvado.

- 15/04/1873 - Criação da Comarca de Descalvado (cidades que pertenceram à Comarca de Descalvado - Pirassununga de 1873 a 1890; São Carlos de 1873 a 1880; Santa Rita do Passa Quatro de 1875 a 1890; Porto Ferreira de 1885 a 1892).

- 16/10/1873 - Instalação do Cartório do Registro Geral da hipotecas da Comarca do Belém do Descalvado.

- 01/04/1889 - Elevação à cidade.

- 26/12/1908 - Simplificação do nome para Descalvado.

 

ORIGEM DO NOME DE DESCALVADO

Vem do nome de um morro, ou precisamente do Morro do Descalvado. Antes da construção da Capela de Nossa Senhora do Belém, em 1832, por José Ferreira da Silva, as terras de Descalvado não teriam nome, pois eram fundo de Rio Claro ou de Araraquara (mais de Rio Claro, embora não de princípio unido a ele, administrativa e juridicamente).

Ao ser elevado à freguesia, deram a Descalvado o nome de Freguesia de Nossa Senhora do Belém do Descalvado. Onde o nome Morro do Descalvado é devido ao fato de ser desprovido de vegetação. O Morro até possui cerrada vegetação em seu topo, porém apresenta partes rochosas, o que lhe legitima a denominação de Descalvado, escalvado ou calvo.

Informações obtidas na obra de Luis Carlindo Arruda Kastein - Conheça Descalvado.



<< Voltar

CONVÊNIOS

  • Accertifica
  • São Francisco - Saúde
  • Unimed
  • Uniodonto
  • São Francisco - Odontologia
UTILIDADE PÚBLICA

  • Horário do Comércio
  • Código de defesa do consumidor
  • Movimento das associações comerciais
CLIMA
PARCEIROS

Boa vista Facesp Prefeitura municipal Banco do povo Paulista PAT CACB Ponto C Sebrae SP Sicoob Instituto PROE Descalvado NEWS
REDE SOCIAL

Impostometro

Acesse www.impostometro.com.br e veja as arrecadações por estado ou município.

Logotipo rodapé ACI Descalvado